A Nefrolitíase também é conhecida como pedra nos rins. A doença é mais comum em homens, na faixa etária de 20 a 40 anos. As causas podem ser genéticas, ou associadas ao ganho de peso, ou dietas inadequadas ricas em açúcares simples, proteínas de origem animal, ocasionando alta excreção de purinas, oxalato, ácido úrico, cálcio e sódio e redução do pH urinário e o citrato, e consequentemente gerando os cálculos.

Segue abaixo as recomendações nutricionais para evitar a pedra renal:

  • Estimular ingestão de líquidos;
  • Estimular ingestão de potássio;
  • Reduzir o sódio;
  • Adequar à ingestão de proteína animal;
  • Evitar a restrição de cálcio;
  • Evitar alimentos ricos em purinas;
  • Equilibrar a ingestão de cálcio e oxalato.

Está precisando de Orientações nutricionais para a Nefrolitíase ? Por favor entre em contato:

Nutricionista Juliana Dragone, especializada em Nutrição Clínica e funcional pelo GANEP, mantém publicado o site nutricionistajuliana.com.br com o objetivo de oferecer informações e dicas para quem quer, por meio da alimentação, melhorar a saúde e o bem-estar.