Dieta anti-stress – Quais alimentos diminuem e aumentam o stress

Dieta anti-stress – Quais alimentos diminuem e aumentam o stress Nutricionista Juliana 2:33 pm

Nutricionista da orientações para uma dieta anti-stress

Quais alimentos diminuem e aumentam o stress?

Pessoa estressada (stress)

Pessoa estressada (stress)

A palavra estresse (ou stress) é o estado gerado pela percepção de estímulos que provocam excitação emocional, a denominação dada a um conjunto de reações orgânicas e psíquicas de adaptação que o organismo emite quando é exposto a qualquer estímulo que o excite, irrite, amedronte ou o faça sentir muito feliz.

A alimentação exerce um papel fundamental no combate ao estresse, que rapidamente esgota o suprimento de glicose, principal combustível do corpo. Tão logo isso ocorra, o organismo começa a desgastar as proteínas existentes no músculo, fonte de energia mais rápida do que a gordura do corpo.

Os alimentos ricos em magnésio devem fazer parte da alimentação de uma pessoa que pretende evitar os danos causados pelo estresse: o magnésio atua na contração muscular auxiliando no relaxamento da musculatura e aliviando o estresse. Fontes: castanhas, nozes, semente de abóbora, aveia, arroz integral, trigo e folhosos de cor verde-escuro (agrião, couve, brócolis, espinafre, rúcula);

Alimentos que são fontes de carboidratos simples e complexas também devem ser utilizados, já que o estresse leva uma depleção de glicose e de energia. Por esse mesmo motivo, recomenda-se, também, um aumento na ingestão de proteínas, pois quando a reserva de glicose acaba o organismo passa a utilizar a proteína como fonte de energia;

Alimentos que atuam na produção de serotonina (cacau) e fonte de triptofano (frango e peixes) auxiliam na prevenção de depressão, pois em estado de estresse crônico há uma menor produção de serotonina, podendo, sim, desencadear um quadro de depressão.

Água-de-coco, lentilha, feijões, grão-de-bico, cereais integrais, laranja e banana são boas fontes de potássio que auxilia na condução de impulsos nervosos e mantém o bom funcionamento cerebral.

Existem os alimentos que não são nada funcionais, que são alimentos mais agressores, mais alergênicos, produtores de radicais livres e causadores de stress. Esses alimentos são muitos oxidativo, por isso são conhecidos como “ladrões de energia”. Os mais conhecidos são: doces, álcool, gordura, café, sal e açúcar.

Esta precisando de uma dieta anti-stress? Por favor entre em contato:

Como chegou ao site?

Comentários fechados.