Dicas para alimentação das crianças – nutricionista materno infantil na zona sul de SP

Dicas para alimentação das crianças – nutricionista materno infantil na zona sul de SP Nutricionista Juliana 11:47 pm

Dicas da nutricionista materno infantil Juliana Dragone

Olá, tudo bem? Seguem algumas dicas no formato perguntas e repostas para os responsáveis pela alimentação das crianças:

Quais alimentos não podem faltar no prato das crianças (materno-infantil)? Por que? Durante a fase de crescimento alguns nutrientes e vitaminas são muito importantes para o desenvolvimento das crianças. Quais são eles?

O principal alimento para uma criança recém-nascida é o leite materno exclusivo, por no mínimo 6 meses. Após esta fase, é importante incluir carboidratos complexos, alimentos ricos em proteínas magras e frutas.  O leite deve ser mantido pois além de ser fonte de cálcio, possui diversas vitaminas e minerais.

É uma boa prática, para atrair a atenção das crianças, que o prato seja o mais colorido possível. Não pode faltar carboidrato para manter os níveis de energia adequados, proteína para garantir o crescimento dos músculos e frutas, verduras e legumes, contendo vitaminas e mineiras que são fundamentais ajudar o ajudar imunológico.

Recomendo também incluir as leguminosas pois são fontes de proteínas vegetais e previnem contra anemia ferropriva.

prato colorido com macarrão, brócolis e ovo.

Prato colorido - Nutricionista Juliana

Com base na pirâmide alimentar, qual o prato ideal para as crianças?

O prato ideal de uma criança é um pires de chá de mix de folhas com tomate, um pires de chá de legumes cozidos ou refogado ou grelhado ou assado, um carboidrato complexo, uma leguminosa, 1 proteína magra, do tamanho da palma da mão e uma fruta de sobremesa.

Qual a importância de um equilíbrio da alimentação para o desenvolvimento das crianças?

A alimentação equilibrada é fundamental para as crianças, pois melhora desempenho escolar, raciocínio logico, tem mais disposição para fazer as atividades diárias e ficam mais dispostas e animadas.

Como os pais devem agir caso a criança negue esses alimentos?

É importante deixar a criança ter contato com o alimento, ou seja, ela precisa tocar, brincar, experimentar todos os alimentos possíveis, para que assim possa criar um vínculo com o mesmo. Aos poucos começam a surgir preferências alimentares.

Além de oferecer os alimentos que a criança mais gosta e pede, é importante também oferecer os demais alimentos, para que a criança entenda que os alimentos que ela não gosta também são importantes. Não force a criança a comer, mas não deixe de oferecer, mesmo que a criança recuse. Em algum momento ela pode ceder.

Sempre recomendo aos pais a sempre que sua criança disser que não gosta de determinado alimento, proponha que ela prove este alimento por no mínimo sete vezes, em sete formas de preparo diferentes antes de afirmar que não gosta.

Que dicas você daria para os pais implementarem uma dieta saudável e nutritiva para as crianças?

As principais recomendações são:

  • Realize todos os dias o café da manhã! É a refeição mais importante do dia, fundamental para que o seu organismo esteja pronto para realizar as tarefas do dia, para que tenha um melhor desempenho na escola;
  • Inclua alimentos ricos em carboidratos complexos;
  • Coma diariamente a cada três horas, para comer de uma maneira controlada na próxima refeição;
  • Diminuia os fast foods;
  • Ingira de 2 a 3 litros de água ao dia.

Mesmo que os pais não comam um determinado alimento precisam oferecer para seus filhos. É importante explicarem sobre a importância de comer aquilo sempre.

Caso queira agendar uma consulta com a nutricionista infantil Juliana Dragone, favor entrar em contato:

Como chegou ao site?

Comentários fechados.